Casale lança a Totalmix SC, misturadora de ração total - Digital Balde Branco

VITRINE

Casale lança a Totalmix SC, misturadora de ração total

Uma dis­tri­bui­do­ra e mis­tu­ra­do­ra de ração deve apoi­ar subs­tan­ci­al­men­te o avan­ço das téc­ni­cas de nutri­ção bovi­na no Bra­sil. Essa é a apos­ta da Casa­le Equi­pa­men­tos, que lan­çou a Total­mix SC, mis­tu­ra­do­ra de ração, con­si­de­ra­da uma das mais avan­ça­das na cate­go­ria. O uso da máqui­na per­mi­te que o pro­du­tor ado­te téc­ni­cas de pro­du­ção ani­mal que via­bi­li­zam mai­or sus­ten­ta­bi­li­da­de para a cadeia, deman­da cres­cen­te no agro­ne­gó­cio mun­di­al. A novi­da­de che­ga ao mer­ca­do com três ver­sões, com capa­ci­da­des máxi­mas de mis­tu­ra de ração de 2,8, 4,5 e 5,6 tone­la­das para o tra­to de bovi­nos, seja para inten­si­fi­ca­ção da pro­du­ção em pas­to ou em con­fi­na­men­to, con­fe­rin­do agi­li­da­de e efi­ci­ên­cia no tra­to dos animais.

Onfarm leva inteligência artificial para os produtores de leite

Tra­ta-se da Rumi, inte­li­gên­cia arti­fi­ci­al (IA) desen­vol­vi­da com o pro­pó­si­to de unir ino­va­ção e tec­no­lo­gia em favor da saú­de dos ani­mais. Novas tec­no­lo­gi­as na cri­a­ção e no mane­jo de vacas lei­tei­ras per­mi­tem ao pro­du­tor pla­ne­jar, moni­to­rar e geren­ci­ar o reba­nho de for­ma pre­ci­sa e efi­caz. A IA da OnFarm é com­pos­ta por dois algo­rit­mos: Diag­nós­ti­co Auto­má­ti­co e Aná­li­se de Dados de Mas­ti­te Clí­ni­ca. Em seu his­tó­ri­co, a Rumi con­ta com um ban­co de dados de mais de 14 anos de mer­ca­do e mais de 7 mil pro­du­to­res em todo o Bra­sil. Ape­sar de ser uma novi­da­de, a Rumi une a expe­ri­ên­cia e qua­li­da­de das mar­cas OnFarm, Ide­a­gri, Bovi­te­ch, Volu­te­ch e Rumi­Cash. “A Rúmi­na foi cri­a­da para demo­cra­ti­zar e sim­pli­fi­car a ado­ção de tec­no­lo­gia no cam­po pelos pro­du­to­res. Com isso, a OnFarm tem como obje­ti­vo ace­le­rar o aces­so à ino­va­ção no cam­po. Tra­ta-se do pri­mei­ro lan­ça­men­to com inte­gra­ção de dados e inte­li­gên­cia arti­fi­ci­al do gru­po. Nos­so pro­pó­si­to é empo­de­rar os pro­du­to­res, con­tri­buin­do para uma pecuá­ria mais sus­ten­tá­vel e ren­tá­vel”, deta­lha o CEO da Rúmi­na, Laer­te Cassoli.

JA Saúde Animal dá guinada nos negócios com nova sociedade

A empre­sa anun­ci­ou um acor­do de inves­ti­men­to com um Fun­do de Inves­ti­men­to em Par­ti­ci­pa­ções (FIP) geri­do pelo Axxon Group. Com a tran­sa­ção, o FIP pas­sa a ser sócio mino­ri­tá­rio rele­van­te da com­pa­nhia, com o obje­ti­vo de dar con­ti­nui­da­de a seu his­tó­ri­co de ino­va­ção e cres­ci­men­to ace­le­ra­do. O apor­te de mais de R$ 100 milhões na com­pa­nhia vai finan­ci­ar os pro­je­tos de expan­são da empre­sa. O Axxon traz tam­bém sua expe­ri­ên­cia estra­té­gi­ca e ope­ra­ci­o­nal de mais de 20 anos de atu­a­ção como ges­to­ra de Pri­va­te Equity no Bra­sil, apoi­an­do o cres­ci­men­to e o desen­vol­vi­men­to de empre­sas de médio por­te no Brasil.

Stgenetics Brasil contrata Bruno Scarpa

A Cen­tral anun­cia a con­tra­ta­ção de Bru­no Scar­pa Nilo. Scar­pa vem con­tri­buir com a abor­da­gem inte­gra­da da STge­ne­tics Bra­sil como geren­te téc­ni­co comer­ci­al em par­te da Região Sudes­te. Ele é pro­du­tor de lei­te e médi­co vete­ri­ná­rio, espe­ci­a­lis­ta em melho­ra­men­to gené­ti­co. Com 12 anos de expe­ri­ên­cia no mer­ca­do de gené­ti­ca, atu­an­do em pla­ne­ja­men­to, ins­ta­la­ção e exe­cu­ção do melho­ra­men­to em fazen­das pro­du­to­ras de lei­te em todo o País.

Mosaic Fertilizantes contribui para a pecuária produtiva e sustentável

A Mosaic Fer­ti­li­zan­tes, pro­du­to­ra de fos­fa­ta­dos e potás­sio com­bi­na­dos, inves­te em pes­qui­sa e ino­va­ção para pro­mo­ver o suces­so da pecuá­ria moder­na, com­pe­ti­ti­va e de bai­xo impac­to. “O suces­so da pecuá­ria depen­de tam­bém, além da ges­tão efi­ci­en­te, do mane­jo ade­qua­do do solo e da nutri­ção, bus­can­do ganhos de efi­ci­ên­cia nas dife­ren­tes eta­pas pro­du­ti­vas”, comen­ta Samu­el Bor­to­lin, geren­te de Pro­du­to da Mosaic Fer­ti­li­zan­tes. O MPas­to é uma linha de fer­ti­li­zan­tes para pas­ta­gens que pro­por­ci­o­nam ade­qua­da nutri­ção vege­tal, redu­zin­do a degra­da­ção das pas­ta­gens e res­tau­ran­do a pro­du­ti­vi­da­de pecuá­ria. Quan­do há adu­ba­ção na pas­ta­gem, ocor­re um aumen­to da capa­ci­da­de de lota­ção e da pro­du­ção lei­tei­ra por área com gra­mí­ne­as tro­pi­cais. Com gra­mí­ne­as sem adu­ba­ção, o núme­ro de lota­ção (vacas) é de 0,8 a 1,5, com pro­du­ção de 1.000 a 2.500 kg de leite/ha/ano. Quan­do as gra­mí­ne­as são adu­ba­das e rece­bem irri­ga­ção, a taxa de lota­ção sobe para 6,9 a 9,0 e a pro­du­ção para 15.000 a 22.000 kg de lei­te por hectare/ano, des­ta­ca Bortolin.

Champion Saúde Animal anuncia novo presidente

A Cham­pi­on, empre­sa com mais de seis déca­das de atu­a­ção nos mer­ca­dos de saú­de e nutri­ção ani­mal, anun­cia a nome­a­ção do exe­cu­ti­vo Ste­fan Mihai­lov como pre­si­den­te para as ope­ra­ções no Bra­sil. Ste­fan assu­me o pos­to de Fla­vio Alves da Rocha, atu­al dire­tor-pre­si­den­te, que pas­sa­rá à pre­si­dên­cia do Con­se­lho do Gru­po. Com 30 anos de expe­ri­ên­cia na indús­tria de saú­de e nutri­ção ani­mal, Ste­fan tem vas­ta expe­ri­ên­cia de lide­ran­ça no Bra­sil, Amé­ri­ca Lati­na, Esta­dos Uni­dos e Euro­pa. Foi pre­si­den­te para o Bra­sil e Amé­ri­ca Lati­na da Trouw Nutri­ti­on, divi­são Nutre­co, e da Phi­bro Ani­mal Health. Ante­ri­or­men­te, ocu­pou diver­sas posi­ções no Bra­sil e no exte­ri­or, pela Fort Dod­ge (Pfizer/Zoetis). Ini­ci­ou sua car­rei­ra no setor pelo Labo­ra­tó­rio Biovet/Vaxxinova.

Genex: Centro de Biotecnologia e Difusão Genética de Bovinos

Com capa­ci­da­de para alo­jar e cole­tar, ini­ci­al­men­te, cer­ca de 150 tou­ros, o empre­en­di­men­to vai con­tar com pique­tes indi­vi­du­ais, pro­je­ta­dos de acor­do com todas as nor­mas de bios­se­gu­ran­ça e con­for­to ani­mal, garan­tin­do a ade­qua­da pro­du­ção de gené­ti­ca e comer­ci­a­li­za­ção em todo o ter­ri­tó­rio naci­o­nal e expor­ta­ção aos paí­ses que pos­su­em pro­to­co­los sani­tá­ri­os com o Bra­sil. O Cen­tro de Bio­tec­no­lo­gia e Difu­são Gené­ti­ca Genex está loca­li­za­do no muni­cí­pio de Ube­ra­ba (MG), região conhe­ci­da como “ber­ço do zebu”. “O novo pro­je­to da Genex Bra­sil é resul­ta­do de mais de 15 anos de expe­ri­ên­cia e pio­nei­ris­mo da com­pa­nhia no melho­ra­men­to gené­ti­co de bovi­nos no País, sem con­tar todo o his­tó­ri­co de mais de 60 anos de atu­a­ção no con­tex­to glo­bal”, diz Sér­gio Saud, dire­tor exe­cu­ti­vo da central.

Agroceres Multimix investe em nova unidade fabril no Paraná

A Agro­ce­res Mul­ti­mix, empre­sa de nutri­ção ani­mal do Gru­po Agro­ce­res, esco­lheu a cida­de de Qua­tro Pon­tes (PR) para ins­ta­lar sua nona fábri­ca de pro­du­tos de nutri­ção ani­mal. Atu­al­men­te, a empre­sa con­ta com oito fábri­cas ins­ta­la­das nos Esta­dos de São Pau­lo, Minas Gerais, Goiás, Mato Gros­so e Mato Gros­so do Sul. “A empre­sa vem cres­cen­do mui­to na Região Sul do Bra­sil e a neces­si­da­de de uma fábri­ca para aten­der melhor esse mer­ca­do já fazia par­te do nos­so pla­ne­ja­men­to estra­té­gi­co. Fal­ta­va ape­nas defi­nir o melhor local”, afir­ma Ricar­do Ribei­ral, dire­tor-supe­rin­ten­den­te da empresa.

Asbia: coleta de sêmen deve aumentar ainda mais em 2022 

A inse­mi­na­ção arti­fi­ci­al (IA) é uma tec­no­lo­gia con­so­li­da­da no País, que apre­sen­ta núme­ros expres­si­vos, e a pro­je­ção é de que a pro­du­ção de sêmen seja ain­da mai­or em 2022. No ano de 2020, a cole­ta total de sêmen alcan­çou 14.899.623 doses. No ter­cei­ro tri­mes­tre de 2021 esse núme­ro já havia sido supe­ra­do. Segun­do o Index Asbia 3º Tri­mes­tre 2021, rela­tó­rio divul­ga­do pela Asso­ci­a­ção Bra­si­lei­ra da Inse­mi­na­ção Arti­fi­ci­al (Asbia), a pro­du­ção de sêmen, nos nove pri­mei­ros meses do ano pas­sa­do, alcan­çou 16.713.741 doses. “Esta­mos ana­li­san­do mais de 126 mil infor­ma­ções indi­vi­du­ais para fechar o balan­ço de 2021, con­tu­do, já é pos­sí­vel afir­mar que a inse­mi­na­ção arti­fi­ci­al cres­ceu de for­ma incrí­vel no País. A cole­ta de doses aumen­tou 70% de janei­ro a setem­bro em rela­ção a 2020. Nos­sa expec­ta­ti­va é de que o Bra­sil supe­re esses núme­ros em 2022”, pro­je­ta o pre­si­den­te da asso­ci­a­ção, Már­cio Nery.