Faemg reúne 2 mil produtores do Balde Cheio - Digital Balde Branco

Ao com­ple­tar 10 anos de implan­ta­ção do pro­gra­ma em Minas, enti­da­de rea­li­za even­to e des­ta­ca a efi­ci­ên­cia das ações 

Num cená­rio favo­rá­vel à ati­vi­da­de, com pre­ços pagos aos pro­du­to­res con­si­de­ra­dos ele­va­dos, a Faemg-Fede­ra­ção da Agri­cul­tu­ra e Pecuá­ria do Esta­do de Minas Gerais rece­beu cer­ca de 2 mil pro­du­to­res, em Belo Hori­zon­te, no dia 24 de agos­to, duran­te o 3º Encon­tro Minei­ro do Bal­de Cheio. O even­to come­mo­ra os 10 anos do pro­gra­ma no esta­do e os resul­ta­dos do tra­ba­lho, que visa pro­mo­ver a com­pe­ti­ti­vi­da­de da pecuá­ria lei­tei­ra, com redu­ção dos cus­tos e aumen­to da produtividade.

“Esses pro­du­to­res reu­ni­dos repre­sen­tam uma fatia dife­ren­ci­a­da na ati­vi­da­de. Gra­ças à assis­tên­cia que rece­bem pelo pro­gra­ma Bal­de Cheio, sabem rea­li­zar uma ges­tão mais efi­ci­en­te de seus cus­tos, ata­can­do fato­res pro­du­ti­vos que mais impac­ta­ri­am sua lucra­ti­vi­da­de e man­ten­do mai­or pro­du­ti­vi­da­de, com mar­gens posi­ti­vas. Em suma, man­têm-se menos vul­ne­rá­veis às vari­a­ções de mer­ca­do, como essas que  o setor viveu nos últi­mos meses”, expli­ca Wal­lis­son Fon­se­ca, dire­tor da Faemg.

Pro­du­to­res, téc­ni­cos, coor­de­na­do­res e par­cei­ros do Pro­gra­ma Bal­de Cheio par­ti­ci­pa­ram do even­to. Além da apre­sen­ta­ção dos resul­ta­dos de uma déca­da do pro­gra­ma, a pro­gra­ma­ção incluiu home­na­gens. Foram apre­sen­ta­dos os 12 pro­du­to­res fina­lis­tas e os qua­tro ven­ce­do­res da pre­mi­a­ção Des­ta­ques do Bal­de Cheio – 10 anos. Suas his­tó­ri­as de gran­de dedi­ca­ção, tra­ba­lho e suces­so repre­sen­tam a impor­tân­cia do pro­gra­ma e de seus resul­ta­dos para milha­res de famí­li­as rurais. São eles:

- Regi­o­nal Sul e Cen­tro-Oes­te: André dos Reis da Sil­va (Para­gua­çu),  Denis Vitor Emí­dio (Nepo­mu­ce­no), Dir­ceu Lucas Mili­tão (Itaú­na)

- Regi­o­nal Cam­po das Ver­ten­tes e Zona da Mata — Car­los José da Sil­va (São João del Rei), Gil­ber­to Mon­tei­ro de Bar­ros Pin­to  (Recreio), Hud­son Sil­va (Lima Duarte)

- Regi­o­nal Alto Para­naí­ba e Noro­es­te — Amil­ton Fer­rei­ra Lima (Unaí), Jai­ro André Bor­ges (Pra­ti­nha), Regi­nal­do José de Bar­ce­los (Pom­péu)

- Regi­o­nal Les­te, Jequi­ti­nho­nha e Nor­te — Cláu­dio de Assis Bel­tra­me (São João do Ori­en­te), Geral­do Car­do­so Coe­lho (Gover­na­dor Vala­da­res), Luiz Cesar Cou­ra (Alvi­nó­po­lis).

Pro­mo­ver o desen­vol­vi­men­to e a com­pe­ti­ti­vi­da­de da pecuá­ria lei­tei­ra, com redu­ção dos cus­tos e aumen­to da pro­du­ti­vi­da­de, é o foco do Pro­gra­ma de Desen­vol­vi­men­to Inte­gra­do da Pecuá­ria Lei­tei­ra — Bal­de Cheio.  Cri­a­do naci­o­nal­men­te pela Embra­pa, e implan­ta­do em Minas Gerais pela Faemg, o pro­gra­ma che­gou a seu déci­mo ano no Esta­do com uma rede de 280 téc­ni­cos trei­na­dos e capa­ci­ta­dos, que pres­tam assis­tên­cia con­tí­nua a mais de 2.500 pro­du­to­res em 320 municípios.

Rolar para cima