Girolando premia eficiência econômica - Digital Balde Branco

Um ran­king diri­gi­do aos cri­a­do­res da raça Giro­lan­do deve des­ta­car e pre­mi­ar os reba­nhos de melhor desem­pe­nho econômico 

 Com o obje­ti­vo de valo­ri­zar o tra­ba­lho de cri­a­do­res que bus­cam a efi­ci­ên­cia econô­mi­ca em seus reba­nhos, a Asso­ci­a­ção Bra­si­lei­ra dos Cri­a­do­res de Giro­lan­do pas­sa a pre­mi­ar a par­tir de 2017 os par­ti­ci­pan­tes do ser­vi­ço con­tro­le lei­tei­ro com melhor desem­pe­nho em diver­sas cate­go­ri­as pro­du­ti­vas. A pri­mei­ra edi­ção do “Ran­king Giro­lan­do-Moda­li­da­de Reba­nho” foi divul­ga­da pela asso­ci­a­ção duran­te a Mega­lei­te 2017, ocor­ri­da entre 28 de junho e 1º de julho, em Belo Horizonte/MG.

Para defi­nir os melho­res reba­nhos foram ava­li­a­dos dados dos 385 reba­nhos ati­vos do con­tro­le lei­tei­ro em todo o Bra­sil e das 22.236 lac­ta­ções encer­ra­das. Foram ana­li­sa­das as infor­ma­ções gera­das pela pro­va zoo­téc­ni­ca duran­te o perío­do de 1º de janei­ro a 31 de dezem­bro de 2016. O ran­king deve pre­mi­ra os cin­co melho­res cri­a­tó­ri­os em cada uma das 10 cate­go­ri­as rela­ci­o­na­das à efi­ci­ên­cia repro­du­ti­va e de pro­du­ção de leite.

“Que­re­mos valo­ri­zar o tra­ba­lho dos cri­a­do­res que têm inves­ti­do em fer­ra­men­tas de sele­ção que são essen­ci­ais para melho­rar a qua­li­da­de gené­ti­ca de seus reba­nhos, como é o caso do con­tro­le lei­tei­ro, e que, em decor­rên­cia dis­so, estão alcan­çan­do gran­de efi­ci­ên­cia econô­mi­ca na pro­du­ção sus­ten­tá­vel de lei­te com a raça Giro­lan­do.”, diz o coor­de­na­dor Ope­ra­ci­o­nal do Pro­gra­ma de Melho­ra­men­to Gené­ti­co da Raça Giro­lan­do (PMGG), Mar­cel­lo Cembranelli.

O resul­ta­do do ran­king será anun­ci­a­do todos os anos duran­te a Mega­lei­te. As cate­go­ri­as pre­mi­a­das são: Mai­or média de pro­du­ção de lei­te em 305 dias; Menor média de inter­va­lo de par­tos; Mai­or média de pro­du­ção por dia de inter­va­lo de par­tos; Mai­or média de pro­du­ção vita­lí­cia; Mai­or média de pro­du­ção de lei­te por dia de vida; Mai­or média de teor de gor­du­ra no lei­te; Mai­or média de teor de pro­teí­na no lei­te; Menor média de CCS no lei­te; Menor média de ida­de ao pri­mei­ro par­to; Mai­or média de valor gené­ti­co para pro­du­ção de leite.

Rolar para cima