balde branco

Reunião realizada em Belo Horizonte-MG definiu meta de 150% de crescimento para o programa Pró-Genética no Estado em 2017

O diretor da ABCZ, Rivaldo Machado Borges Jr, responsável pelo Pró-Genética, se reuniu no último dia 14 de março, em Belo Horizonte-MG com o presidente da Emater-MG, Glenio Martins de Lima Mariano, e gerentes de 33 regionais extensionistas, para definir uma nova meta para o programa Minas Gerais: realizar 102 feiras em 2017, uma agenda 150% mais extensa do que o do ano passado.

“É um compromisso muito importante e que vai contribuir para o avanço da pecuária brasileira. Um número maior de pequenos produtores terão acesso à tecnologia do touro melhorador e, ao mesmo tempo, vamos fomentar o mercado de touros PO, estimulando esse canal de vendas para o associado da ABCZ”, cita Borges.

Para ele, o próximo passo é preparar o corpo gestor e técnico do Pró-Genética para o cumprimento da meta, que vai exigir ainda mais envolvimento de toda a equipe na busca por parcerias e no estímulo de participação de compradores e vendedores. Durante as 102 feiras previstas para 2017, a expectativa é comercializar 1.600 touros de todas as raças zebuínas.

“Sem dúvida, é uma ação que representa nossa bandeira de promover uma pecuária lucrativa e eficiente para todas as classes de produtores”, comemora o presidente da ABCZ-Associação Brasileira dos Criadores de Zebu, Arnaldo Manuel Machado Borges. O presidente da Emater-MG Glenio Martins definiu a meta como ousada e recorde, garantindo que todos os 33 escritórios da empresa estarão empenhados para o cumprimento.

“A Emater acredita que o melhoramento genético é um dos elementos importantes para aumento da renda da atividade pecuária. E o Pro-Genética nos possibilita não só levar essa tecnologia, como também outras atividades como palestras informativas sobre temas importantes e, assim, as feiras representam um pacote de serviços e produtos para o fortalecimento de médios e pequenos produtores”, afirma.

O programa foi criado em Minas Gerais em 2006 em parceria com a Seapa-MG, Emater, Epamig e IMA com intuito de promover o acesso à genética de qualidade por pequenos e médios produtores rurais. Com o tempo, o Pró-Genética se espalhou por 17 estados. Ao todo, já foram comercializados cerca de 15 mil reprodutores zebuínos puros e registrados.

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?