Parceria de sucesso na produção leiteira no RS - Digital Balde Branco

CARTA AO LEITOR

Parceria de sucesso

na produção leiteira no RS

No seg­men­to da pro­du­ção lei­tei­ra, a bus­ca para supe­rar os mais diver­sos entra­ves para o desen­vol­vi­men­to da ati­vi­da­de pas­sa, mui­tas vezes, por arran­jos entre par­cei­ros. Aí vale a cri­a­ti­vi­da­de, a deci­são com o com­pro­mis­so de fazer avan­çar por meio da união de pro­du­to­res e coo­pe­ra­ti­va, por exem­plo. Um caso de suces­so é o que está em fun­ci­o­na­men­to des­de 2015 na Coo­pe­ra­ti­va Dália Ali­men­tos, com sede em Encan­ta­do, no Rio Gran­de do Sul: o Pro­gra­ma Par­ce­ria Inte­gra­da de Pro­du­ção de Lei­te. Seus resul­ta­dos mui­to inte­res­san­tes podem até mes­mo ser­vir de ins­pi­ra­ção para novos mode­los de desen­vol­vi­men­to da pecuá­ria lei­tei­ra, guar­da­das as sin­gu­la­ri­da­des de cada situ­a­ção e região, visan­do sobre­tu­do à melho­ria das con­di­ções dos peque­nos produtores.

Esse “case” é o tema de nos­sa repor­ta­gem de capa. A Dália, de uma só vez, ele­vou a esca­la de pro­du­ção, melho­rou a qua­li­da­de do lei­te e garan­tiu que peque­nos pro­du­to­res, que esta­vam pres­tes a desis­tir da ati­vi­da­de, se man­ti­ves­sem nela. Vale a pena conferir.

Mais uma vez abor­da­mos a ques­tão das doen­ças de cas­co, que con­ti­nua um gran­de pro­ble­ma em mui­tos reba­nhos. Para redu­zir seu impac­to na saú­de das vacas e pre­juí­zos para o pro­du­tor, o mais acer­ta­do são medi­das pre­ven­ti­vas e o tra­ta­men­to ade­qua­do indi­ca­do por especialista.

Outro des­ta­que des­ta edi­ção são dois impor­tan­tes exem­plos de fomen­to à pro­du­ção lei­tei­ra, com exce­len­tes resul­ta­dos por meio da assis­tên­cia téc­ni­ca e geren­ci­al. Um deles é o pro­gra­ma do Senar-MT, que vem aju­dan­do mui­tos peque­nos pro­du­to­res a avan­ça­rem na ati­vi­da­de. Outro vem do Cea­rá, numa con­jun­ção de esfor­ços de pro­du­to­res, coo­pe­ra­ti­vas e enti­da­des públi­cas, que fez a pro­du­ção de lei­te aumen­tar 63% em ape­nas qua­tro anos.

Para tra­çar um pano­ra­ma do cená­rio do lei­te nes­ses últi­mos tem­pos, con­vi­da­mos, na entre­vis­ta, o eco­no­mis­ta Glau­co Rodri­gues Car­va­lho, da Embra­pa Gado Lei­te, que faz uma aná­li­se obje­ti­va e escla­re­ce­do­ra sobre a cadeia do leite.

Boa lei­tu­ra!

João Antô­nio dos Santos

Edi­tor

 

EXPE­DI­EN­TE

 

Edi­tor

João Antô­nio dos San­tos
editor@baldebranco.com.br

Repór­ter

Erick Hen­ri­que
reporter@baldebranco.com.br

Edi­ção de Arte

Casa da Arte
cdadesign.com.br

Cola­bo­ra­do­res

Denis Tei­xei­ra Rocha
Glau­co Rodri­gues Car­va­lho
João César de Resen­de
Luiz H. Pitom­bo
Natá­lia Gri­gol
Pau­lo do Car­mo Mar­tins
Pedro Arcu­ri
Rafa­el Ribeiro

Dire­to­ria Comercial

Mari­an­na Cor­rea
marianna.correa@terra.com.br
(11) 9–9975-6429

Repre­sen­tan­te comercial

Vivi­a­ne Rosa
comercial@baldebranco.com.br
(11) 99953–6952

Assi­na­tu­ras

Ales­san­dra Melo
alessandra.melo@baldebranco.com.br
(11) 99480 8631 (what­sapp)

Escri­tó­rio cen­tral
(11) 99480–8631 wattsapp

Coor­de­na­ção Administrativa

Cristhi­a­ne Melo
(11) 99480–8631
(11) 97028–5684

 

Edi­ção: 19.000 exemplares

Assi­na­tu­ra anu­al: R$ 140,00
Exem­plar atra­sa­do: R$ 14,00

Auto­ri­za­mos a repro­du­ção total ou par­ci­al de nos­sos arti­gos, des­de que men­ci­o­na­da a fonte.

Os con­cei­tos emi­ti­dos nos arti­gos assi­na­dos ou nos anún­ci­os de publi­ci­da­de são intei­ra­men­te de res­pon­sa­bi­li­da­de de seus auto­res, não tra­du­zin­do neces­sa­ri­a­men­te a opi­nião da revista.

Bal­de Bran­co é uma publi­ca­ção regis­tra­da no INPI — Ins­ti­tu­to Naci­o­nal de Pro­pri­e­da­de Indus­tri­al sob nº 006333770 de 106/86 e na Lei de Impren­sa (6º Ofí­cio) sob nº 20963 de 12.01.90.

Rolar para cima