balde branco

Com a proposta de capacitar e profissionalizar produtores de leite do município de Taubaté-SP, disponibilizando gratuita­mente consultoria técnica, é que foi lançado o Programa Campo Forte. Do seu plano de ação consta disponibilizar tecnologias de manejo de pastagens, controle zootécnico, conservação dos recursos naturais e monitoramento dos custos de produção, recorrendo ao fomento e organização dos produtores.

O programa atende hoje a 40 produtores, que têm como compromisso receber visitas de técnicos, realizar exames de brucelose e tuberculose no rebanho, registrar todos os atos envolvendo a atividade e realizar o que foi planejado pelo técnico. “Os produtores precisam se conscientizar de que a pecuária de leite não é mais aquela de 50 anos atrás. É preciso se profissionalizar se a intenção for continuar na atividade”, cita Geraldo de Oliveira Neto, secretário de Desenvolvimento e Inovação de Taubaté.

O Programa Campo Forte, desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Taubaté, atua também fora das propriedades leiteiras, agindo na manutenção e melhoria das estradas, pon­tes e mata-burro na área rural. “Ciente de que a correção do solo é um dos caminhos para a eficiência produtiva no campo, disponibilizamos para os produtores, gratuitamente, o frete do calcário da mineradora até a sua propriedade”, ele completa.

Complementando, a Prefeitura tem apoiado a realização de palestras com técnicos do setor. O primeiro encontro ocorreu no último dia 23 de março, no auditório do Sindicato Rural. Desta vez o tema foi “Silagem de Grão Úmido na Pecuária Leiteira”, com o professor Marcos Neves Pereira, da Universidade Federal de Lavras-MG.

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?